Saiba quais cuidados tomar para engajar os colaboradores para o retorno ao trabalho sem medo.

O retorno ao trabalho será um desafio tão grande quanto implementar o home office. E o RH precisa estar totalmente preparado para essa fase.

A migração para todos trabalharem em casa foi uma ação especial e motivo de orgulho – mesmo com tantas dúvidas, trouxe bons resultados. Agora, é hora de trazer todos de volta ao escritório. E nesse novo movimento importante, faz diferença contar com quem é especialista na administração de benefícios e programas de saúde.

Por isso, trouxemos 5 dicas que vão ajudar o RH a engajar os colaboradores conforme nosso Manual de Retorno ao Trabalho, especialmente desenvolvido para guiar essa transição. E como a ideia é não enrolar, já antecipamos a primeira dica: se você quiser conferir diretamente o Manual de Retorno ao Trabalho agora, é só rolar a página para o final deste artigo.

Aproveite!

retorno ao trabalho

No retorno ao trabalho, o cuidado começa na saúde mental

Estamos em um período delicado. As notícias parecem não ser animadoras e o receio pode ser um sentimento comum entre os colaboradores que estão na fase de retorno ao trabalho no escritório. Identificar e acolher pessoas que demonstrem essa dificuldade é muito importante.

Para isso, o RH pode disponibilizar canais exclusivos de comunicação para acolhimento de profissionais que apresentam estresse emocional.

Uma boa dica para entender como os colaboradores estão se portando é realizar questionários periódicos sobre a qualidade da saúde mental.

retorno ao trabalho

Segmente os colaboradores conforme o histórico recente de saúde

Avaliar a saúde dos colaboradores é fundamental para manter a segurança de todos no retorno ao trabalho. Para isso, recomendamos triagens em 4 grupos diferentes:

Grupo 1

Diagnosticados com Covid-19, mas assintomáticos.

São colaboradores que podem retornar ao trabalho desde que tenham a liberação médica para tal.

Grupo 2

Testados com RT-PCR positivo ou IgM ou IgA positivo

São considerados infectados ou suspeitos e devem ser mantidos em isolamento social conforme orientação médica.

 Grupo 3

Colaboradores que possuem fatores de risco para Covid-19

São pessoas que compõem o chamado “grupo de risco”, ou seja, podem ter risco de vida se contraírem o novo coronavírus. Para esses, o home office ou o afastamento devem ser considerados.

Grupo 2

Testados com RT-PCR positivo ou IgM ou IgA positivo

São considerados infectados ou suspeitos e devem ser mantidos em isolamento social conforme orientação médica.

retorno ao trabalho

Espalhe informativos de conscientização

Todas as mudanças na rotina do escritório devem estar claras e sinalizadas nos principais pontos de acesso interno. Utilize pôsteres, intranet e TV, caso estejam à disposição.

É importante que os comunicados sejam renovados periodicamente para manter a atenção dos leitores. Se necessário, utilize cores e figuras diferentes a cada nova veiculação.

Testes em formatos gamificados, como quiz, podem ser interessantes pelo aprendizado descontraído que envolvem os participantes. Inove. Em nosso Manual de Retorno ao Trabalho completo você terá acesso às dicas que podem ser implementadas para conscientização interna.

retorno ao trabalho

Ofereça kits de proteção contra a Covid-19

Antes mesmo do retorno ao trabalho ser implementado, envie kits com máscaras e álcool gel aos colaboradores. Nossa sugestão é o envio de, pelo menos, 3 máscaras acompanhadas de dois frascos de álcool gel – um grande e um de bolso.

Essas máscaras devem ser trocadas após o transporte para a chegada ao trabalho e em outros horários ao longo do dia. Uma iniciativa interessante é escolher máscaras de cores diferentes para serem utilizadas conforme um determinado período do dia. Assim todos se lembrarão que precisam trocar a proteção.

retorno ao trabalho

Crie comitês de prevenção à Covid-19 no retorno ao trabalho

Os comitês são grupos de comunicação que agilizam as tomadas de decisões para os gestores.

Entre as ações importantes deste comitê, estão o monitoramento das etapas de retorno ao trabalho, a adoção de práticas recomentadas pelos órgãos nacionais de saúde, a definição de estratégias de comunicação para colaboradores etc.”

Todos os detalhes sobre como criar esse comitê, quais setores devem participar e como implementar os passos, estão em nosso Manual de Retorno ao Trabalho em sua versão completa.

E para que o seu RH comece a tomar imediatamente todas as medidas necessárias com um passo a passo guiado, é só baixar a versão pocket do Manual. É uma ferramenta gratuita e que fará toda a diferença para que todos voltem ao trabalho de forma segura.

Baixe agora mesmo e consulte sempre que quiser!

Deixe seu comentário